Em busca do diálogo

Notícias

Secretário do CIAT apresenta panorama das Administrações Tributárias na América Latina

postado em 17/06/2019 19:01 / atualizado em 17/06/2019 19:04



Ainda na tarde do primeiro dia do 4º Congresso Luso-Brasileiro de Auditores Fiscais, o Secretário Executivo do Centro Interamericano de Administrações Tributárias (CIAT), Márcio Verdi, apresentou a palestra “Panorama das Administrações Tributárias”.

No início de sua fala, o secretário citou algumas falácias que naturalizam a sonegação, como “não pago porque não recebo benefícios”. Márcio comentou que isso não pode justificar a evasão. Além disso, sobre a proposta de Reforma Tributária, o Secretário disse que qualquer reforma tem que vir amparada por mecanismos eficientes que diminuam a evasão fiscal. Verdi falou sobre as dificuldades de se chegar a uma solução para os problemas tributários dos países latinos. “Discutir temas tributários é muito complexo. Não existe uma solução única para os problemas nem um consenso de administração tributária na América Latina”. Durante sua fala, o Secretário apresentou números das arrecadações de países da região, apontou problemas de alguns deles e citou que é necessária uma arrecadação mais efetiva.

Sobre a arrecadação tributária no Brasil, Márcio Verdi comentou que a tributação no país é muito complexa. “O nosso problema não é baixa tributação, mas a baixa qualidade na aplicação tributária”. Finalizando sua participação, Verdi defendeu o investimento em pessoal qualificado para uma administração tributária mais moderna e efetiva e defendeu a garantia da autoridade do fisco por meio de uma legislação mais objetiva. Além disso, citou a importância do fisco para a sociedade. “Não tem fisco que funcione sem ter um marco legal que lhe garanta os poderes. Somente por meio da tributação podemos ter uma sociedade cidadã”, finalizou Márcio Verdi.

Copyright © FEBRAFITE - Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais - Todos os direitos reservados

by HKL