Em busca do diálogo

Notícias

Secretaria de Economia do DF lança concurso com 120 vagas para auditor fiscal

Por Correio Web Concursos

postado em 17/09/2019 14:55 / atualizado em 17/09/2019 14:55


Após muita espera, o edital do concurso público para auditor fiscal da Receita do Distrito Federal foi lançado pela Secretaria de Economia! Segundo publicação no Diário Oficial local (DODF), São 40 vagas mais 80 para cadastro reserva, o que totaliza 120 vagas, com remuneração  inicial de R$ 14.970. Confira o edital completo (pg 29).O concurso será organizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), que vai realizar o Método Cespe na seleção.

Para participar é necessário diploma de curso de nível superior em qualquer área de formação! Do total de oportunidades, 20% são reservadas a pessoas com deficiência e 20% a candidatos negros.

As inscrições poderão ser feitas de 22 de novembro a 19 de dezembro, pelo site. A taxa de inscrição custa R$ 55. O pagamento deverá ser efetuado até o dia 20 de dezembro de 2019.

Para os candidatos que não dispuserem de acesso à internet, o Cebraspe disponibilizará locais com acesso , na Central de Atendimento ao Candidato do Cebraspe, localizada na Universidade de Brasília (UnB).

Fases do concurso de auditor fiscal 

O concurso será composto por prova objetiva, discursiva e avaliação de vida pregressa. As provas objetivas serão aplicadas em 2 de fevereiro de 2020 no turno da tarde. Já as discursivas, serão aplicadas em 12 de abril.

Serão cobrados conhecimentos sobre língua portuguesa, conhecimentos sobre o Distrito Federal, contabilidade pública, direito administrativo, constitucional, civil, empresarial e penal, economia e finanças públicas, tecnologia da informação, matemática financeira, estatística e raciocínio lógico, auditoria fiscal do ICMS e do iSS, contabilidade geral e de custos, direito financeiro e tributário, legislação tributária.

Sobre o cargo de auditor

Os aprovados exercerão as funções de lançamento, fiscalização, arrecadação e administração dos tributos de competência do Distrito Federal; proferir julgamento em processos administrativos-fiscais, observado o disposto no art. 31, §2º, da Lei Orgânica do Distrito Federal e exercerão as demais atribuições inerentes à competência da Subsecretaria da Receita, conforme o art. 4º da Lei nº 4.717/2011.

Último concurso de auditor fiscal do DF

O último concurso para o cargo de auditor da Sefaz/ DF aconteceu há 16 anos, em 2001. O concurso foi de responsabilidade da Fundação Carlos Chagas (FCC). O edital abriu 200 vagas imediatas e também formou cadastro reserva. Na época, a remuneração inicial foi de R$ 3.553,07. A seleção dos candidatos foi realizada apenas por provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos.

Os candidatos precisaram realizar prova objetiva de conhecimentos gerais onde foi cobrado português, matemática, contabilidade comercial, contabilidade pública, noções de direito constitucional, noções de direito administrativo, noções de direito comercial, noções de direito penal e noções de informática. Em conhecimentos específicos foi necessário estudar direito tributário e legislação tributária do Distrito Federal.

Em 2010, um edital chegou a ser publicado com 50 vagas e cadastro reserva, organizado pela Fundação Universa. O certame, porém, foi cancelado por conta da aprovação de um projeto pela Câmara Legislativa, que unificou os cargos de auditor, agente fiscal e fiscal tributário em um único cargo de auditor-fiscal da Receita do DF. Mais de 8 mil pessoas tinham se inscrito na seleção que contava com salário de R$ 16 mil.

Fonte: Correio Web Concursos

Copyright © FEBRAFITE - Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais - Todos os direitos reservados

by HKL