O que pensam os presidenciáveis sobre a Reforma Tributária e as Carreiras de Estado

Notícias

Informe nº 511

postado em 19/10/2018 3:51 / atualizado em 19/10/2018 3:51


 
Projetos do Pará, Rio Grande do Sul e Paraná são os vencedores na categoria Escolas e iniciativas realizadas em São Paulo e no Amazonas levaram o prêmio na categoria Instituições
 
Os grandes vencedores do Prêmio Nacional de Educação Fiscal 2014 são a Escola Estadual de Ensino Médio Frei Ambrósio, de Santarém no Pará, na categoria Escolas, e a Secretaria Municipal de Educação de Manaus, na categoria Instituições. O anúncio foi realizado na noite desta terça-feira (18), no mezanino da Torre de TV de Brasília,  na solenidade de premiação organizado pela Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais – Febrafite, com a presença dos finalistas, patrocinadores, apoiadores e representantes das associações filiadas.
 
Para a professora Eliana Mara, representante do projeto Sol Cidadão Legal, realizado na cidade de Santarém, o prêmio é uma forma de valorizar ainda mais a educação: “Precisamos ir além da sala de aula, e é isso que nosso projeto representa. O prêmio é muito importante para nossa escola e para Santarém, pois representa que o progresso está chegando até nossa  cidade”, destaca a coordenadora.
 
Já na categoria Instituições o Programa Municipal de Educação Fiscal de Manaus – Disseminado a Cidadania, coordenado pela  Secretaria de Educação de Manaus, levou a premiação em dinheiro e troféu para casa. Segundo Estela Albuquerque, coordenadora do projeto, o prêmio é um reconhecimento do trabalho realizado  nas escolas públicas da capital do Amazonas: “O projeto representa as sementes dos cidadãos do futuro. São mais de 506 escolas beneficiadas e a educação fiscal está no currículo de forma transversal”, diz.
 
Para o presidente da Febrafite, Roberto Kupski, o prêmio é de extrema importância para difundir o ensino sobre  tributos no país, além de conscientizar os cidadãos que pagar impostos não é uma punição, mas um investimento social: “O prêmio se consolida nesta terceira edição. Sem dúvida é um estímulo à consciência tributária. Precisamos acabar com essa ojeriza de pagar impostos, pois o Estado não existe sem tributo”, disse Kupski, na abertura da solenidade. 
 

Vencedores da edição 2014
 
Categoria Instituições
1º lugar
Projeto: Programa Municipal de Educação Fiscal de Manaus – Disseminado a Cidadania
Manaus/AM
Prêmio: R$ 15 mil
 
2º lugar
Universidade de São Paulo – USP
Projeto: A Cidade Constitucional: Capital da República
São Paulo/SP
Prêmio: R$ 10 mil
 
 
 
Categoria Escolas
1º lugar
Escola Estadual de Ensino Médio Frei Ambrósio
Projeto: Sol Cidadão Legal
Santarém/PA
Prêmio: R$ 15 mil
 
2º lugar
Escola Estadual de Ensino Fundamental Carlos Becker
Projeto: O dinheiro é público, mas a decisão também é minha.
Alpestre/ RS
Prêmio: R$ 10 mil
 
3º lugar
Escola Estadual de Ensino Fundamental Moreira Sales
Projeto: Desafios para Jovens do Século XXI,
Moreira Sales/PR
Prêmio: R$ 5 mil
 
 

Sobre o Prêmio
 
A edição 2014 recebeu mais de 100 inscrições de empresas e instituições distribuídas em 14 estados e no Distrito Federal. Uma parceria da Febrafite com a Escola de Administração Fazendária – Esaf, o prêmio visa promover a discussão sobre a importância social dos tributos e o acompanhamento dos gastos públicos do Brasil.
 
O prêmio Nacional de Educação Fiscal conta com o patrocínio da Petrobras, do Banco de Brasília (BRB) e com o apoio institucional das associações filiadas à Febratife, do Correio Braziliense, do Conselho Federal da Ordem dos Advogados (OAB) do Grupo Globo, do Encontro Nacional de Coordenadores e Administradores Tributários Estaduais (Encat) do Centro de Interamericano de Administração Tributária (Ciat), da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp) do Fórum Nacional de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate) e do Portal Congresso em Foco.
 
 
 
Saiba mais sobre os projetos finalistas no vídeo institucional da edição https://www.youtube.com/watch?v=yolvIxNumIc
 

The CCNA or Cisco Certified Network Associate vce exam is included in the list of the top popular and most distinguished IT certifications https://www.4itexam.com/ provided by Cisco. Though the CCNA 4itexam is not that influential compared to other Cisco certification programs such as the CCIE, many people would still prefer to take up CCNA course especially ccna dumps when their interest falls in the administration ccna security 210-260 dumps of small to medium sized computer networks. In addition, obtaining the CCNA certificate is far less difficult ccna security dumps to do than acquiring the CCIE. However, both involve two part exams- the written cissp braindump and the lab, which the student need to pass for them to get certified in their chosen Cisco certification program.
The CCNA will actually not avail you of the highest pay ccna 200-125 dumps in the IT field nor will it lead you to possible immediate promotions. So, why many people would want to become CCNA certified instead of going directly 300-115 dumps for more prestige certifications like the CCIE? What benefits do these cissp vce people get with the CCNA?
IT people have become wiser nowadays to be able to compete with million others having the same qualifications ccna security 210-260 vce for that single job vacancy. These individuals strongly believe that acquiring ccnp switch 300-115 dumps different IT certifications that are globally recognized will make them the strongest candidate among others. True enough, employers who are in a hiring status will likely prefer 300 101 those professionals whose resumes are jam-packed with various IT certificates that are all highly regarded. And yes, CCNA is one of those. Though not difficult as obtaining the CCIE, CCNA is able to assess dedicated 300-101 dumps individuals in this field through its two-part examination. It is also a good pre-certification prior to taking the CCIE course. With the basic ccie exam dumps knowledge and skill base acquired from CCNA training and experience, a candidate for CCIE will have a better grasp of some of the concepts that are also covered in the CCNA exam, which is also a major reason why IT professionals want to become CCNA expert first and then CCNA exam vce pursue all the way to becoming CCIE. It can serve as a good warm-up in future the test-taking that also involves almost the same test methodologies since these two (CCNA and CCIE) certifications are both delivered by Cisco.
By taking up the CCNA first before the CCIE, you will cissp braindump have a background on how the actual CCIE exam is presented since both of these are composed of the same areas; the written, which needs to be successfully passed first and after which qualifying for the lab exam.
It is no wonder why many people go for CCNA as it can lead the person to several opportunities like the CCIE. Though the CCNA can be considered less difficult, one needs to commit a lot of time studying 2v0 620 as well as practicing different lab exercises because for sure, Cisco won’t be giving out the CCNA certificate to undeserving individuals.

Copyright © FEBRAFITE - Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais - Todos os direitos reservados

by HKL