Revista Congresso Febrafite
abre menu 2

Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais

abre menu 1

Notícias

Cresce o movimento nacional contra a Lei Kandir

Compartilhar

postado em 21/09/2017 17:00 / atualizado em 22/09/2017 12:15


Representantes dos tribunais de contas e dos poderes Executivo e Legislativo assinaram ontem (20) em BG documento que decidiu pela adesão à “Carta de Diamantina”

Representantes dos tribunais de contas e dos poderes Executivo e Legislativo assinaram ontem (20) em BH documento que decidiu pela adesão à “Carta de Diamantina”

O movimento para que a União repasse aos Estados as compensações integrais referentes às perdas tributárias causadas pela Lei Kandir ganha força à medida que se aproxima o fim do prazo, até o final de novembro, estipulado pelo Supremo Tribunal Federal para que o Congresso aprove uma lei para compensar financeiramente os entes federados com a desoneração do ICMS sobre produtos exportados.

Nesta terça-feira (19), durante Encontro Técnico realizado no Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG), em Belo Horizonte, presidentes de TCEs de diversos estados brasileiros decidiram pela adesão à Carta de Diamantina, lançada por governadores no dia 12 de setembro. No documento enviado à Presidência da República, os governadores pedem o ressarcimento das perdas provocadas pela legislação.

Coordenada pelo governador de Minas Gerais, a Carta de Diamantina contou com adesão dos Estados do Acre, Mato Grosso, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe e Rondônia relatando a urgência dos chefes dos Executivos em defesa do encontro de contas entre Estados e a União, buscando, assim, recuperar as perdas ocorridas com a lei federal e equilibrar as receitas.

Na mesma linha, a Anape (Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal) publicou no dia 19 de julho manifesto em defesa da Federação. O documento destacou os danos ocasionados às 27 unidades federativas.

Ainda sobre o posicionamento dos conselheiros do TCES, o advogado-geral do Estado de Minas Gerais, Onofre Alves Batista Júnior, presente ao encontro no tribunal, considera fundamental tendo em vista que o prazo estipulado pelo STF está vencendo e se o Congresso Nacional não regulamentar o assunto, a decisão vai para o Tribunal de Contas da União (TCU).

Federalismo já

Desde o início do ano, a Febrafite vem alertando sobre os prejuízos da Lei Kandir nas receitas estaduais. A Federação organizou um grupo de trabalho composto por auditores fiscais e o advogado-geral, Onofre Alves Batista Júnior, para elaborar estudo com os efeitos da lei e propor soluções.

O tema também foi debatido em painel na ocasião do 11º Congresso Nacional e 6º Internacional da Febrafite, realizado em junho deste ano, em Fortaleza. Na oportunidade, o procurador Onofre Alves Batista Júnior; o deputado estadual Celso Sabino (PSDB/PA); e a auditora fiscal da Receita Estadual do Ceará, Lourdes Maria Morais, apresentaram dados sobre as perdas tributárias, o que motivou a entidade a aprovar o manifesto “Federalismo Já”, pedindo os ressarcimentos integrais, a revogação da lei e a possibilidade de encontro de contas.

O manifesto e o caderno com o estudo elaborado pela Federação foram apresentados pelo presidente da Febrafite, Roberto Kupski, na 165ª reunião do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), no dia 12 de julho, na capital mineira. A defesa da Federação contou com apoio dos secretários de Fazenda presentes ao evento.

Projeto de Lei Complementar 423

Os dados levantados pelo Confaz, secretários e técnicos das Secretarias de Fazenda, da Advocacia Geral do Estado de Minas, o movimento das entidades Febrafite e Anape, dos governadores que assinaram a Carta de Diamantina, motivaram o deputado Pompeo de Mattos (PDT/RS) a apresentar o Projeto de Lei Complementar 423/2017, na última semana.

A proposta elaborada em conjunto com os representantes do movimento visa estabelecer os critérios, os prazos e as condições para o ressarcimento integral aos Estados, com possibilidade de encontro de contas entre os entes federados.

Clique nos links:

Manifesto da Anape

Carta de Diamantina

Manifesto Federalismo Já

Estudo publicado pela Febrafite

Com informações da Agência Minas: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticia/tribunais-de-contas-dos-estados-se-posicionam-a-favor-da-carta-de-diamantina.

 

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP   LX0-103   220-901   640-911   102-400   220-901   70-346   000-017   ICBB   350-029   200-125  , 70-486   640-692   ADM-201   c2010-657   EX200   74-678   70-483   1V0-601   100-101   M70-101   100-105  , 350-001   HP0-S42   M70-101   200-355   ITILFND   1Z0-804   100-101   SY0-401   350-080   70-461   JN0-102   M70-101   70-534   1z0-434   LX0-104   210-065   640-911   c2010-652   ITILFND   70-533   70-411   200-310   70-411  

Copyright © FEBRAFITE - Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais - Todos os direitos reservados

by HKL